quinta-feira, 5 de março de 2009

A Assembleia e o "samba do Crioulo Doido"

Com a renúncia do deputado afastado Antonio Albuquerque (sem partido), os caminhos começam a se abrir na Assembleia Legislativa de Alagoas. Com a eleição realizada na tarde desta quinta-feira (5), da nova Mesa Diretora e da efetivação, de fato e direito, do deputado Fernando Toledo, parece que o "samba do crioulo doido" desafinou e uma música clássica começa a circular na Casa Tavares Bastos.

Mas o que parece ser uma calmaria, pode ser o resultado de um acordo para atender interesses de todas as partes. Sem a Assembleia funcionar, o Estado não anda e isso não é do interesse do governador Téo Vilela. Será que isso dá em musica?

Resta saber agora como serão entoadas as próximas notas dessa ópera trágica ou samba desafinado que os deputados nos obrigam a ouvir sem dó nem piedade.

Um comentário:

Kbuloso disse...

E como essas notas doem em nossos ouvidos. Talvez só doam mais em nossos bolsos!